DESCUBRA O SIGNIFICADO DOS NOMES DOS BAIRROS DE SÃO PAULO





São Paulo não só é a mais populosa, como é a maior cidade do país. Possui dezenas de bairros, divididos em cinco regiões: Centro, Zona Sul, Zona Oeste, Zona Norte e Zona Leste. A maior região é a Zona Sul, onde estão localizados bairros como Parelheiros. A mais populosa é a Leste, que concentra mais de 1/3 dos paulistanos. A região da Sé é a mais antiga, onde a cidade foi propriamente fundada. Mas vocês já parou para pensar no significado dos nomes dos bairros paulistanos? Já pensou no significado de Ipiranga ou sabe o que Guaianazes quer dizer? É o que a lista abaixo tenta responder.

 

Aclimação – do francês Jardim d´Acclimation
Água Branca – nome de antigo córrego
Água Rasa – na região o ribeirão Tatuapé era raso
Artur Alvim – nome do engenheiro que projetou a estação de trem
Barra Funda – na região a barra do Tietê era funda
Bela Vista – vem da bela paisagem da região onde hoje é a Praça da Bandeira
Belém – vem de São José do Belém
Bixiga – de Antônio Bexiga
Bom Retiro – o local era procurado pelas pessoas para o seu “retiro” de fim de semana
Brás – de José Braz
Brasilândia – vem de Companhia Brasilândia, de José Munhoz Bonilha
Brooklin – vem de Brooklyn (Nova Iorque), em alemão da Idade Média significa ponte pequena
Butantã – “solo duríssimo”
Cambuci – “pote”; tipo de árvore
Cangaíba – “cabeça ruim, dor de cabeça”
Canindé – “arara azul”; “vozerio, gritaria”; “escuro”
Campo Belo – no local havia uma parada de bonde com esse nome
Campos Elísios – vem de Champs Elysées, em Paris
Capão Redondo – capão é uma porção de mato isolado
Carandiru – vem de candiru, peixe de água doce; nome de antigo córrego
Casa Verde – vem de meninas da casa verde, e depois de Sítio Casa Verde; tal sítio era propriedade de umas meninas que moravam na rua do Rosário (atual Quinze de Novembro) em uma conhecida casa verde
Cerqueira César – ex-governador de São Paulo
Cidade Ademar – nome do engenheiro responsável pelo primeiro loteamento no lugar; diziam que a área era uma fazenda do ex-governador Ademar de Barros
Cidade A E Carvalho – nome de construtora
Cidade Dutra – vem de Eurico Gaspar Dutra
Cidade Líder – nome da empreendedora de Francisco Munhoz Bonilha(Líder Empreendimentos)
Cidade Tiradentes – nome do primeiro conjunto habitacional do bairro
Consolação – vem de Nossa Senhora da Consolação
Ermelino Matarazzo – filho do conde Francisco Matarazzo
Freguesia do Ó – vem de Caminho de Nossa Senhora do Ó
Grajaú – cesto fechado para transportar galinhas e aves; aparelho para conduzir louça de barro; aparelho para conduzir peixes
Guaianazes – nome de antiga tribo indígena
Guarapiranga(represa) – “lagoa vermelha”; “garça vermelha”; nome de antiga aldeia indígena
Heliópolis – cidade do sol
Higienópolis – cidade da higiene; foi planejado para ser um bairro bem arborizado
Ibirapuera – “madeira podre”
Interlagos – entre lagos
Ipiranga – “rio vermelho, barrento”
Itaim – “pedra pequena”
Itaim Bibi – vem de Itaim do Bibi, apelido de Leopoldo Couto de Magalhães
Itaquera – “pedra adormecida”; “pedra dura”
Jabaquara – “rocha”; “buraco”; “lugar dos refugiados”
Jaçanã – ave de peito vermelho que vivia perto do rio Cabuçu
Jaguaré – “lugar onde existe onças”
Jaraguá – “senhor do vale”; “morros que dominam os campos”; “água que murmura”
Jd. América – nome de esposa de um inglês fundador do bairro; de Cia Edificadora de Villa América
Jd. Anália Franco – nome de educadora atuante na região
Jd. Ângela – vem de dona Ângela (mulher do loteador); de Santa Ângela
Jd. Brasil – vem de Companhia Agrícola e Imobiliária Brasil
Jd. Europa – vem de Sociedade Anônima Jd. Europa
Jd. Peri-Peri – “junco, brejo”
Jd. São Paulo – vem de Villa Paulicea, nome de antiga estação de trem e de bairro vizinho
Jurubatuba (rio) – “muitos jerivás”; espécie de palmeira; primeiro nome do rio Pinheiros, que recebeu o atual nome em 1950
Lajeado – vem de Santa Cruz do Lajeado
Lapa – gruta, vem de Nossa Senhora da Lapa
Liberdade – nome dado a uma rua na época da abdicação de D. Pedro I(1831); nome dado ao antigo Largo da Forca quando se extinguiu essa pena de morte; diz-se também que o nome foi reforçado durante a época da abolição dos escravos(1888)
Limão – primeiros moradores encontraram pés de limão bravo
Luz – vem de Nossa Senhora da Luz
Mandaqui – rio “dos mandis”, espécie de peixe; nome de ribeirão da região
Marsilac – vem de engenheiro Marsilac
Moema – “mentira, falsidade”
Mooca – “faz casa”
Morumbi – “colina verde”; “mosca verde”; “lugar de lutas”
Paraíso – vem de Chácara do Paraíso
Parelheiros – de parelha de cavalos
Penha – vem de Nossa Senhora da Penha
Perdizes – vem de Quintal das Perdizes
Perus – “pôr-se apertado”; Nhá Maria morava na área e criava perus
Pinheiros – vem de Nossa Senhora dos Pinheiros, e depois de Bosque dos Pinheiros
Pirituba – “vegetação de brejo”
Pari – cerca de taquara para pescar
Parque São Lucas – vem de Luccas, família loteadora do local
Pacaembu – “arroio das pacas”
Parque Novo Mundo – vem de Cia Predial Novo Mundo, do Banco Novo Mundo e que loteou também o Jd. São Paulo
Piqueri – “animal de pequeno porte”
Pompeia – vem de Aretusa Pompéia(esposa do dono da maioria das terras); antiga cidade grega
Sacomã – vem do nome da família loteadora do local e que possuía uma cerâmica (Sacoman)
Sapopemba – “raiz chata, muito enterrada”
Santana – mãe de Maria e avó de Jesus
Santa Cecília – vem da antiga capela de Santa Cecília
Santa Ifigênia – filha do rei Eglipo e da rainha Ifianassa da Etiópia
Santo Amaro – vem de Aldeia de Santo Amaro
São Mateus – de Mateus Bei, italiano loteador do local
São Miguel Paulista – vem de São Miguel Arcanjo
Saúde – vem de Nossa Senhora da Saúde, e depois de Bosque da Saúde
Sé – igreja matriz
Socorro – vem de Nossa Senhora do Socorro, e depois de Capela do Socorro
Sumaré – tipo de orquídea
Tatuapé – “caminho do tatu”; nome de antigo ribeirão
Tietê(rio) – rio “verdadeiro, profundo”
Tremembé – “brejo, lamaçal, pântano”
Tamanduateí(rio) – “lugar dos tamanduás”; rio “de muitas voltas”
Tucuruvi – “gafanhoto verde”; “taquara verde”
Vila Alpina – vem de Alpes
Vila Carrão – de Conselheiro Carrão
Vila Clementino – do jurista Dr. Clementino de Souza e Castro
Vila Maria – sugestão de Eduardo Cotching(um dos loteadores)
Vila Guilherme – de Guilherme Praun da Silva
Vila Matilde – nome da filha da proprietária da gleba de terra, dona Escolástica Melchert
Vila Nova Cachoeirinha – a cachoeira ficava próximo onde hoje é a maternidade, na Inajar de Souza
Vila Olímpia – cidade grega
Vila Prudente – de Prudente de Morais, havia também a Cerâmica Vila Prudente
Vila Romana – de Roma, cidade natal do loteador
Vila Leopoldina – vem de Imperatriz Leopoldina; vem de Leopoldina Kleeberg (sócia da empresa loteadora)
Vila Madalena – de Madalena, cujas irmãs Ida e Beatriz também eram filhas de um fazendeiro
Vila Mariana – esposa de Alberto Kuhlmam, engenheiro da Cia Carris de Ferro que deu o nome a uma das estações de bonde a vapor que ia até Santo Amaro; junção de Maria e Ana, esposa e mãe de Carlos Petit, um dos moradores mais importantes
Vila Formosa – nome antigo de Ilha Bela
Vila Buarque – do engenheiro Manuel Buarque de Macedo
Vila dos Remédios – vem de Nossa Senhora dos Remédios
Vila Sônia – nome da filha de um dos proprietários de terra da região

 

(Imagem acima: detalhe do Memorial da América Latina, na Barra Funda)

 

Fontes: Wikipédia, São Paulo e Suas Curiosidades, Vem Ver Sampa.


Comentários!: